capa

Fotógrafo retrata como dormem as crianças sírias que fugiram da guerra

Os conflitos armados na Síria já fizeram com que mais de 4 milhões de pessoas deixassem o país. Destas, mais 1 milhão são crianças com menos de 12 anos. Acompanhados da família ou enviados sozinhos para que fujam do terror e da opressão, os pequenos chegam assustados à Europa e a outras partes do Oriente Médio.

Essas crianças deixaram para trás seus quartos, seus brinquedos favoritos, familiares, amigos e sonhos. Sem recursos, sucumbem a doenças e encontram em qualquer lugar, seja grama ou asfalto, um canto para dormir. Mas nem os sonhos são um lugar seguro: muitos relatam pesadelos e flashes de bombas e violências. Apesar da pouca idade, essas crianças já viram de perto o lado mais cruel do ser humano.

O fotojornalista Magnus Wennman viajou pela Europa captando o sono assustado e leve dos pequenos sírios que fugiram da guerra. As imagens são de apertar o coração de qualquer um:

 

Todas as fotos © Magnus Wennman

Para que a solidariedade não se fique pela comoção, existem milhares de pessoas tentando ajudar os refugiados a chegar em segurança a diferentes países, principalmente na Europa. Uma das iniciativas que mais nos impressionou foi a de um grupo de jovens salva-vidas que juntou 15 mil euros dos seus próprios bolsos (mais de R$ 60 mil no câmbio atual) para resgatar pessoas na ilha de Lesbos. Todos os dias, eles ajudam cerca de mil pessoas, entre as quais muitas crianças, a pisar chão firme e mais seguro.

No entanto, para continuar, eles precisam de mais apoio e por isso lançaram a campanha. Abaixo um vídeo de apresentação e aqui o link através do qual você pode ajudar (e conhecer melhor) esse trabalho.

[Via Mashable]

 

Comments

comments

2 comentários em “Fotógrafo retrata como dormem as crianças sírias que fugiram da guerra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *